sexta-feira, 25 de setembro de 2015

"Kiss Me" Jason Walker

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

John Lennon - Starting Over

John Lennon stand by me

domingo, 27 de abril de 2014

Peter Gabriel - Sledgehammer (1986)

ERIC CLAPTON Live at Budokan, Tokyo, 2001 (Full Concert)

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

O DIA TROCADO

Porque será que num dia onde a PALHAÇADA prima e é o principal motivo de divertimento, me faz sentir que este e o dia NORMAL pois os restante sim SAO um CARNAVAL de constantes PALHACADAS, Politicas, sociais, financeiras , entre outras que ainda não sabemos! JAM 12/02/2013

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

ORA VEJAMOS!

ORA VEJAMOS! estes Politicos da treta. Diz o PS que o governo anda a fazer publicidade e grande ALARIDO com o SUCESSO da ida da Divida as Praças Europeias! Pois eu Prefiro a publicidade do SUcESSO da excelente venda das nossas DIVIDAS Nacionais do que a PALHAÇADA da PUBLICIDADE da VENDA dos “MAGALHAES” , que foi para encher os bolsos aos amiguinhos e PRINCIPALMENTE desse SOCRATES! Ou os Navios que o seu Amigo Sul Americano DISSE que comprava, e nem pagou o que la esta no estaleiro de Viana! JAM 24/01/2013

domingo, 30 de dezembro de 2012

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

O MEU FEITIO !

Eu tenho-o, e é muito dificil tão dificil que só eu sei o que me é dificil em me suportar a mim proprio.

sábado, 13 de outubro de 2012

A FAVOR DO GOVERNO

Gostaria de ver a consciência de quando este Povo Português começa a ser mais DONO e Senhor de si com PERSONALIDADE e VONTADE PROPRIA. Andamos com “manifs”, greves, políticos que como lhes esta a sair do bolso agora são contra o Passos, sindicalistas sem coragem que só em aglomerado são heróis defensores do vazio. O velhinho “Marocas” dizia; “(…..)Eu ate simpatizo com o Passos Coelho embora ache que ele não têm experiencia nem Política nem Governativa (…)”, agora já lhe dói já é Bota abaixo?? E o Ângelo Correia? O seu menino estava a fazer boas medidas e inevitáveis, etc. etc. etc., e agora? Tem de se ter um Governo presidencial, então então , vamos lá portugas isto não é motivo de muitas mudanças? Vamos lá a por a nossa cabecinha no sitio, quando andámos, todos a fazer ferias com créditos, trocar de carros com créditos, tínhamos mais cartões de credito do que contas bancarias, fazíamos vidinha de Lordes e pseudo-ricos, e nunca vi ninguém com a consciência de HOJE a fazer manifestações e baixos assinado a dizer que não queriam tão boa vida pois estes tempos de hoje acabariam por vir e NÓS NÃO QUERIAMOS. Todos aceitamos o facilitismo de boca calada porque egoistamente (á bom Português), sempre achamos que quando ESTA CRISE chegasse seria o vizinho do lado (e note-se o da portinha ao lado não País), que pagaria, passaria fome, ficaria sem emprego, e o sacrifício era facilmente suportável. E que esta crise NOS PASSARIA ao LADO. Mas como bateu em todos já somos todos JUNTOS os FORTES e CORAJOSOS de vir para a rua chamar ladroes ao presente Governo. Mas chamar um dos que foi o responsável de um consumo desmedido porque tinha uma filosofia de (…)”as dividas não são para pagar, mas para se ir pagando(…)”, e senta-los a todos num banco de tribunal e pô-los em trabalhos forçados, esse o Governante que mesmo sabendo de que esta austeridade viria ai e o melhor era se tirar um cursinho no exterior na velhinha romântica cidade de Paris (porque andou a fazer uma reforma no ensino que afinal essa dita reforma não lhe serve (a ele) para finalmente ter um canudo, a não ser um desfalque nas contas do estado).onde se percebe que a dita reforma foi só para gastar pois não lhe serve a ele estudar no Seu País. Porque é que de uma vez por todas deixamos de ser Cobardes em exigir e protestar por alguém que esta a cumprir, pois cumprir porque seja quem la estiver no poleiro tão cobiçado, tem e terá de fazer estas medidas ou porque será que o palerma do Seguro diz … que não quer ira já pro governo mas sim quando chegar a altura? Porque se fosse para lá agora teria de fazer o mesmo que o Passo e note-se esse SEGURO, não tem estofo de HOMEM para o fazer, só sabe fazer tricas de bastidores como ir beber um chá com o presidente Francês e pedir batatinhas que o sr Presidente Fran~cês lhe disse para vir para casa e portar-se bem. Devíamos isso sim JUNTARMO-NOS TODOS e protestar, reclamar, manifestar, exigir, contra as MEDIDAS IMPOSTAS pela TROIKA, FMI, e todo os Lóbis FINACEIROS E POLIICOS que estão entre si ligados a Nivel Europeu e Mundial. São esse que impõe as regras, de tempo, juros, montantes, politicas, etc a se exigir e aplicar. É contra esses que devíamos PROTESTAR e todos juntos sem cor Politica, Racial, Religiosa ou Outra. São esses que não são capazes de retroceder as regras impostas por eles, são esses os Americanoides que criaram uma crise porque o Euro esta muito forte e o Dólar já não é referência de mercado onde o Yen já fala mais alto onde o “betinhos” do USA, já não são referencia, nem politica, nem financeira, nem de respeito. Por isso Portugueses, deixemo-nos de protestar uns contra os outros e vamos todos juntos protestar com os senhores responsáveis e causadores disto tudo por conveniência deles, TROIKA, FMI, CE, USA, entre outros. JAM 13-10-2012

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Coitadinho do JISUS

O "Jesus" disse que o Barcelona tinha um EXTRATERRESTRE, mas são os dois dos Céus e não se entenderam? Devia era antes do jogo ter informado o povo de que apos um conversa intergaláctica o Barcelona ia dar 25% de posse de bola para NÃO PARECER MAL, e 2 pronto os Portugas são fixes!

terça-feira, 25 de setembro de 2012

O dia a dia.

A Rotina esgota. O cansaço mata. A Ansiedade martiriza. Os anos passam as esperanças diminuem. Fica difícil uma motivação verdadeira. Mas existe sempre uma seja ela qual for. Por isso somos homens. JAM - 2012

terça-feira, 10 de julho de 2012

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Retrato

Eis um excelente retrato o nosso País. Os políticos sentadinhos a mamar a conta de todos, e o povinho olhando sem fazer nada a espera que tudo mude naturalmente!

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Lisboa Cidade das Sete Colinas!

Quando deixamos de ser pequeninos? Custa mas infelizmente tenho de dizer isto, quando aprendemos com os Espanhóis? Orgulham a Pátria, o Hino, a língua. Porque não LEGENDAMOS EM PORTUGUES e sub-legedamos em Inglês? LISBOA Cidade Sete Colinas! Lisbon City of seven Hills! (Assim, não renegamos a Língua e ensinamos algo de nosso belo Português!) Continuando, vejam a não perder ver estas imagens, maravilhosas e deliciosas perspetivas, e formas de observar, acompanhado por uma bela musica e deliciosa voz tudo bem PORTUGUES, SO PENA a “bosta” da legenda! Irra que nunca mais sabemos ser GENTE com Letra Grande. JAM 28/5/2012

sexta-feira, 18 de maio de 2012

DURANTE UMA TOURADA, O TOUREIRO SENTIU-SE MAL, TEVE TONTURAS E PRECISOU SENTAR-SE. ANTES QUE ALGUEM INTERFERISSE, O TOURO QUE ESTAVA SENDO AGREDIDO PELO TOUREIRO NESSE ESPECTÁCULO, APIEDOU-SE DO HOMEM, PAROU DIANTE DELE E PARA SURPRESA GERAL, SIMPLESMENTE FICOU OLHANDO-O. O TOURO, COMO QUE SENTINDO O PROBLEMA, FOI SOLIDÁRIO E FICOU AO LADO DESSE HOMEM, SEM NENHUMA REAÇÃO DE VIOLÊNCIA. NORMALMENTE UM SER HUMANO, NUMA SITUAÇÃO DESSAS TERIA REAGIDO DE FORMA DIFERENTE.............................................................................................................................................................................................................................OBSERVE QUE ESSE ANIMAL JÁ TINHA RECEBIDO DIVERSOS ESPETOS EM SEU DORSO. .................................................................................................................................................................................................................................Joao Moreira - ainda á Homens com dignidade! ups TOUROS. (quanto mais conheço o ser humano mais gosto dos animais) ..................................................................................................................................................................................................................................Joao Moreira Na verdade o que ainda me surpreende são os animais pois dos homens ja nada espero deles!

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Hoje acordei com uma tremenda violência.

Hoje acordei com uma tremenda violência. Algo em mim estava incompleto, intenso, insatisfeito, sensação que não era única nem estranha mas simplesmente há muito não me vinha nem me atormentava. Era madrugada, ensonado a mente rodopiava em imagens e desejo de criar. A cama ate então serena, passou a ser um tapete de revolta onde a ansiedade que me atormentava e não se definia, me obrigava a uma batalha de insónia e necessidade de fazer algo. Levantei-me, percorri os poucos metros até á cozinha baralhado com o que queria e se queria. Abri o frigorífico e nada, olhei a janela e o dia lutava por despertar, voltei-me e olhei para o vazio numa sala ainda dormindo, na busca de algo que me acalma-se. Ao canto da sala algo me chamava, fui até la, retirei a tela grande branca e virgem que me olhou e sorriu. E assim foi, estranhamente as imagens brotaram, jorraram, definiu-se algo que queria e precisava que sai-se. Fui buscar as tintas as espátula e pinceis as colas e diluentes, mas a mão não obedecia, ate que olhei para uma massa de retoques de paredes branca abandona a um canto a espera de ser recolhida na garagem. Peguei na massa e atirei para cima da tela, pego na espátula, materiais e massa, e matérias e tinta, e massa e materiais, e tinta e sentado no chão, fui hora a hora pondo, colando, mexendo, retocando, onde a tela virgem foi cedendo ao assédio de uma violenta vontade de criar. Terminei a primeira fase desta minha recente criação, senti a reclamação no estomago e então reparei que eram 15.00h, sorri. Sorri porque afinal era isto, as horas passaram e não dei por isso, a fome não existiu porque não era importante, a mente encontrou de novo o seu rumo depois de soltar a tormenta. Sentei-me a contemplar o que me andava a corroer por dentro, sorri de novo satisfeito comigo mesmo, já eram 17h, e o roncar do vazio na barriga não me incomodou e com a satisfação da criação adormeci ali mesmo, com fome, de roupão entreaberto, cansado de prazer e satisfação. O frio da noite chamou-me, levou-me a razão de serem horas de me por com termos e normalidades, voltei a comtemplar o acontecimento e cheio de satisfação aliviado do peso desconhecido e repleto de felicidade por ter realizado o que me perseguia sai e fui caminhar devagar tao leve que quase voava pela estrada fora. O quadro? Esse espera a segunda fase porque ela existe mas ainda não reclamou a sua saída e exigiu a sua concretização mas no entretanto este já esta na parede onda de cada vez que me cruzo com ele os olhos arregalam de prazer e felicidade. JAM11/05/2012

Sasseti!

Bernardo Sasseti caiu, mas caiu de pé, num pedestal feito de música, imagem e genialidade. Ouvir o Sasseti, numa se cansa, esgota ou passa de moda. Passou por todas as formas musicais, marcou imagens, criou família, marcou eternamente famílias e solteiros. Bernardo brotava inspiração, por onde olhava, por onde falava, por onde sonhava. Foi-se uma NOTA de uma outra geração, mudança e forma de estar. SASSETI, sem ti não será igual, e a falésia ficara contigo na história. JAM

terça-feira, 24 de abril de 2012

A CRISE ou FERIADO MAL ESCOLHIDO!

Bem vê-se mesmo que se esta na CRISE, uma véspera de feriado, e todo o mundo no virtual, o 25 de Abril devia ter sido ao inicio do mês sempre dava mais gozo , hehehehehe!

O que penso de PORTAS!

Agora cheguei e acabo de saber da noticia, partiu um homem que embora eu seja centro direita, me pareceu uma mudança na vida politica e uma nova visão na esquerda, pensei ser agora que conseguiria reunir tanto a minha ala direitista com a minha ala esquerdista. Surpreenderam nas eleições, passaram a tradição e visão estagnada e conservadora da esquerda. Miguel Portas e o BE, marcaram uma esperança. Triste foi quando, novamente se implementou o radicalismo de Louçã, a visão obtusa e afunilada. A esquerda ficou igual, ou pior fragmentada. Miguel Portas, deixou uma intenção e abertura espero que os que ficam saibam repor essa intenção e vontade, pois se não fosse o Portas um jornalista que moveu a classe e divulgou o BE, jamais esse partido seria o que é hoje, não passaria de uma extinta UDP, ou MDP, etc etc.

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Porque será?

Agora que o Passos Coelho revelou que já não há novo Aeroporto, pro Marocas já ele esta a fazer mau trabalho, porque será depois de se saber que os amigos do PS eram donos maioritários dos terrenos a volta da OTA e apoderaram-se na altura do Freeport dos terrenos pelas bandas do Aeroporto. Porque será que o Mário Soares já não gosta do Passos Coelho?? Porque!!

JAM 19-4-2012

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Haja mulher com eles nos sitios, e que bom eu ja nao ser PUTO!

http://www.youtube.com/watch?v=tYzQdsJtKOQ&feature=share

quinta-feira, 15 de março de 2012

Consciência!

Liberdade, causa de prisão.
Isolamento, fruto da liberdade.
Solidão, responsável por ser livre e isolado.
Fronteira, o fio da navalha.
Navalha, causa de definição de se ser livre.
Definição, aquilo que o ser humano já não sabe.
SER INTEGRO e DEFINIDO em modo responsável.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

pensamento do dia JAM 3

Desejo arduamente ser pobre 1 dia, porque estou farto e cansado de ser pobre todos os dias da minha vida!

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

pensamento do dia JAM 2

A 1600 anos atras escreveu-se a Bíblia e que o Homem foi feito a semelhança de Deus. Então desatamos a poluir o ar, terra e agua, mudar os cursos dos rios, alterar o relevo da terra, extinguimos espécies, alteramos a nossa espécie, danificamos outras espécies, e muito mais.
As vezes esse Deus se existe e relembra que somos semelhança e não iguais, e faz o terramoto de Haiti, os tsunamis no pacífico, para que não deixemos de sair do nosso lugar.
Mas somos burros e não aprendemos que somos á semelhança nada mais.

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

pensamento do dia JAM

A veia da inspiração

Na verdade muita gente não mostra as potencialidades poéticas ou literárias, porque os rectores são bestas cavalgaduras que com comentários ridículos atrofiam a soltura da veia.

Frase do dia JAM

O MAR

O Mar é imensamente Belo, mesmo quando não é Belo!

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Bethania Poema do Menino Jesus Fernando Pessoa

Não basta o poema ser bonito, não basta o escritor se bom, não basta saber ouvir, não gasta gostar.
É preciso que quem o diz o saiba dizer, e aí é preciso dar o seu valor.
Quem o diz, este poema, não é bonita, mas tem um bela voz e sensibilidade, e conseguiu dar uma Luz mais brilhante do que a lampada produziu.
Merece ser ouvido e acreditem nem se da conta do tempo e sente-se vontade de ouvir mais e mais.

Leonard Cohen - Sound Of Silence

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

ADVOGADOS OFENDIDOS!

Os advogados estão ofendidos com a auditoria da Ministra, querem a sua demissão, pois há que correr com quem descobre as classes de ladroes encapotados e abusadores das regalias do estado.
O triste é que existem muitos advogados sérios e honestos que, nada têm a haver com isto mas vão ficar manchados por causa dos ladroes e dos que querem manter escondidos esses ladroes, e porque será? Talvez por também roubarem não?
Isto e so vê-los, na Policia, na Politica, na Medicina, e em muitas outras ditas prestigiadas profissões, mas claro os Advogados querem correr com a Ministra, e depressa não vá ela descobrir muitos mais por ai.
JAM-15/12/2011.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

A Crise nas Datas.

Há coisa que a crise conseguiu fazer, finalmente conseguimos situar a data do NATAL ao mês de Dezembro.
Já estava a ser ridículo num tempo recente de somente 1 ano em fins Setembro e Outubro já se viam lojas com alusões ao natal.
A crise endireita as coisas tanto nas datas como nas barrigas.
JAM-08-12-2011

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Palavras do político e ex primeiro ministro socrates.

“Pagar a divida e uma ideia de criança.”
“As dividas não são para pagar.”
“eu estudei isto”
Palavras do político e ex primeiro ministro socrates.

Pois pois assim foi o Pais durante o triste Sócrates, encheu o bolso e os outros que finjam que pagam e sejam caloteiros.
Morreu o Sócrates ERRADO, não devia ter ido o futebolista devia sim ter o SOCRATES POLITICO PORTUGUES.
Um foi Grande Jogador, outro Um Grande Merdas de Político.
PS . afinal não é engenheiro? Estudou?? Economia política em engenharia??

sábado, 22 de outubro de 2011

O HOMEM QUE DISSE TODA A VERDADE NA TELEVISÃO

Então o Grande Critico, também escritor, jornalista, editor e sei la por que mais filho de grande escritora, chama de PRESIDENTA?? a Presidente do Brasil??
esta não sabia, não vi a dita entrevista, mas já não chega politica?? é preciso um português sair daqui ir ate ao outro lado do atlântico, gastar recursos, e tempo e comete uma calinada destas?? logo este Sr. que tanto sucesso literário tem, bolas este povo não da uma certa, é só calinadas atrás de calinadas Até uma universidade brasileira se revolta, e o que fez o "doutô" Miguel S. Tavares na entrevista feita a Dilma Roussef, Presidenta pra frente Presidenta pra trás... enfim





Existe a palavra PRESIDENTA?
Que tal colocarmos um "BASTA" no assunto?
por Miriam Rita Moro Mine - Universidade Federal do Paraná

Presidenta?!

Mas, afinal, que palavra é essa totalmente inexistente em nossa língua?

Bem, vejamos:

No português existem os PARTICÍPIOS ATIVOS como derivativos verbais.

Por exemplo: o particípio ativo do verbo atacar é atacante, de pedir é pedinte, o de cantar é cantante, o de existir é existente, o de mendigar é mendicante...

Qual é o particípio ativo do verbo ser?

O particípio ativo do verbo ser é ente. Aquele que é: o ente. Aquele que tem entidade.

Assim, quando queremos designar alguém com capacidade para exercer a ação que expressa um verbo, há que se adicionar à raiz verbal os sufixos ante, ente ou inte. Portanto, a pessoa que preside é PRESIDENTE, e não "presidenta", independentemente do sexo que tenha.

Se diz capela ardente, e não capela "ardenta"; se diz estudante, e não "estudanta"; se diz adolescente, e não "adolescenta"; se diz paciente, e não "pacienta".

Um bom exemplo do ERRO grosseiro seria:

"A candidata a presidenta se comporta como uma adolescenta pouco pacienta que imagina ter virado eleganta para ser nomeada representanta. Esperamos vê-la algum dia sorridenta numa capela ardenta, pois esta dirigenta política, dentre tantas outras suas atitudes barbarizantas, não tem o direito de violentar o pobre português, só para ficar contenta".



Por favor, pelo amor à língua portuguesa, repasse essa informação... de calinadas, nem o jesus podemos recorrer ate esse tem um portugues pior que vernaco pois aí tinha desculpa, mas no dele a modos que!




Até uma universidade brasileira se revolta, e o que fez o "doutô" Miguel S. Tavares na entrevista feita a Dilma Roussef, Presidenta pra frente Presidenta pra trás... enfim





Existe a palavra PRESIDENTA?
Que tal colocarmos um "BASTA" no assunto?
por Miriam Rita Moro Mine - Universidade Federal do Paraná

Presidenta?!

Mas, afinal, que palavra é essa totalmente inexistente em nossa língua?

Bem, vejamos:

No português existem os PARTICÍPIOS ATIVOS como derivativos verbais.

Por exemplo: o particípio ativo do verbo atacar é atacante, de pedir é pedinte, o de cantar é cantante, o de existir é existente, o de mendigar é mendicante...

Qual é o particípio ativo do verbo ser?

O particípio ativo do verbo ser é ente. Aquele que é: o ente. Aquele que tem entidade.

Assim, quando queremos designar alguém com capacidade para exercer a ação que expressa um verbo, há que se adicionar à raiz verbal os sufixos ante, ente ou inte. Portanto, a pessoa que preside é PRESIDENTE, e não "presidenta", independentemente do sexo que tenha.

Se diz capela ardente, e não capela "ardenta"; se diz estudante, e não "estudanta"; se diz adolescente, e não "adolescenta"; se diz paciente, e não "pacienta".

Um bom exemplo do ERRO grosseiro seria:

"A candidata a presidenta se comporta como uma adolescenta pouco pacienta que imagina ter virado eleganta para ser nomeada representanta. Esperamos vê-la algum dia sorridenta numa capela ardenta, pois esta dirigenta política, dentre tantas outras suas atitudes barbarizantas, não tem o direito de violentar o pobre português, só para ficar contenta".

Por favor, pelo amor à língua portuguesa, repasse essa informação...

PINOQUIO????? Portugues??? na............... é engano

http://www.youtube.com/watch?v=BDwSzZAYRMU

delicioso

Manchete do “Desk”

“Passes escolares podem deixar de ser vendidos, se governo não pagar os 15 milhões que deve(….)”
Como esperamos não haver ladroes e mentirosos neste pais?? Se os exemplos são primeiro dos trafulhas, mentirosos, aldrabões, que estão acima de tudo, e representam o nosso pais a nível europeu e mundial a quem se chama GOVERNO. E representado por esse fantoche chamado Sócrates.
Quando será que este povo abre os olhos e deixa de eleger esta cambada de vendidos que passam 4 anos a pagar em favores e legalizam as vontades dos exploradores, que contribuíram com milhões de euros para as campanhas em troca destas vergonhas.
FAÇAM COMO EU JÁ NÃO VOTO EM PARTIDOS QUE TENHAM REPRESENTAÇÃO PARLAMENTAR NUNCA MAIS.
Esta cambada de ladroes, ainda vai por os miúdos a irem a pé para a escola, já que não podem fechar as escolas dos centros urbanos. Os filhinhos deles vão de motorista (do estado), e os restantes sãos os desgraçados. Por cada jornal que se abre, aparece o GOVERNO chapado em denuncia de ladrão e mentiroso e falso parceiro, como podem estes bandalhos exigir seriedade se são os primeiros a prevaricar???
Fala-se que a justiça esta caótica, esta???
-Esta nada! Esta á medida deles, só um cego não vê, a cada mandato, e governação se ajusta mais as leis que cobrem estes trafulhas. Para cada vez mais podem fazer as suas trafulhices e saírem impunes e intocáveis, olhem esses processos todos.
(eu já acho que o bibi, coitadinho ainda vai ser indemnizado por ter acusado esses bandalhos sem justa causa e sem motivos e acabou na prisa por uma lacuna de informação). Espero ansiosamente sexta-feira para me rir a bom rir da absolvição de todos menos do bibi claro.
Estou cansado desta treta toda, um grande amigo e enorme ser de inteligência superior e cultura geral acima da média, aconselhou-me a ler um livro intrigante e curioso “CLUBE BIDELBERGUE”, após a sua leitura indaguei uma elemento de topo do PS o que ele pensava sobre o livro, aconselhou-me a ler mais 4 todos da mesma linha explicando a verdade do livro, e não desmentiu nada do que ali se diz.
Amigos, na próxima encarnação quero ter “cara de pau”, para talvez conseguir fazer esta palhaçada toda e acordar todos os dias como se fosse a “Madre Tereza de Calcutá”
JAM 01/09/2010

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Quem escreve!

Quem escreve por bem sabe sempre o que escrever mesmo quando nao sabe o que escrever, escreve.
Dito isto uma, um escritor(a), escreve sempre o que os dedos escrevem muitas vezes sem que a mente o diga.

terça-feira, 5 de julho de 2011

O QUE VALE UMA CARINHA LAROCA E SER BONITO PRAS MENINAS!......

repasso o recebi por email.
repasso embora nao ser da minha autoria e nao ser o autor e dou toda a razao.
repasso porque a tristeza esta naquilo que os DITOS "jornalistas" e a chamada tv de "utilidade publica" fazem a este ignorante Povo, voltamos á velha rectorica Salazarista, ..."carcaças e bola, cala o povo"....



Erro! Nome de ficheiro não especificado.

Angélico Vieira não resistiu ao brutal acidente de viação que sofreu e acabou de falecer. A geração “Morangos com Açúcar” já tem o seu mártir.
Para o caso não interessa nada que o carro circulasse na via pública sem seguro, ou que a maioria dos ocupantes não tivesse colocado o cinto de segurança.
Também parece não interessar a ninguém saber a que velocidade ia a viatura ou se condutor apresentava excesso de álcool ou drogas no sangue. Ninguém falou disso. A comunicação social em peso preferiu a exploração do efeito emocional e ficou por aí.
Mais ou menos na mesma altura morreu o empresário Salvador Caetano. É verdade que o senhor tinha 85 anos e estava doente, mas a histeria mediática à volta do desaparecimento do jovem artista Angélico Vieira, por contraste com a discrição da notícia da morte do empresário nos órgãos de informação dá-nos um excelente retrato da ordem de valores da sociedade actual.
Por aqui se vê que um jovem cantor e actor é muito mais importante do que um homem que subiu na vida a pulso, construiu um império industrial, contribuiu para a produção da riqueza nacional e deu emprego a milhares de pessoas.
Por aqui se vê que para muita gente é mais importante uma novela de duvidosa qualidade, com adolescentes, do que construir fábricas, criar empregos no país e dar pão a inúmeras famílias.
Apesar de tudo entendo muito bem a reacção dos adolescentes neste caso. A culpa desta inversão de valores nem sequer é deles. É da geração anterior, dos pais, que os educaram assim. Para a diversão e não para o trabalho.

terça-feira, 21 de junho de 2011

SONHOSSSSS

Dizia o Pinto Da Costa que a cláusula dos 15 milhões, não é porque tinha medo que o Vilas Boas se podia ir embora ate porque ele era Portista do peito e coração como ele.
Disse o Vilas Boas estou no clube do meu sonho nada me fará mudar este sonho.
Hoje digo-lhes eu;
- ó Pintinho, o Vilinhas é portista porque as notas do Chelsia são azulinhas (cores do clube).
- Ó Vilinhas do sonho?? Dos 5 milhões não? Sonho não do clube, mas nas notas no banco só pode.
Hehe, a tristeza esta que muita gente não escuta o que diz, e diz o que não ouve e vergonha na cara não existe porque não se olham ao espelho. No tempo do meu avô uma palavra valia mais que um juramento de sangue, hoje a palavra já não vale nada .

Conclusão, o acordo ortográfico acabou por escrever a falta de palavra que se tem construído na evolução da humanidade.
JAM-21/06/2011

segunda-feira, 20 de junho de 2011

CONFIRMADO

CONFIRMADO EXPOSIÇÃO DE 18 DE JULHO A 31 DE JULHO
GALERIA DE EXPOSIÇOES NA JUNTA DE FREGUESIA DO ESTORIL.

sábado, 11 de junho de 2011

Lousã falso Democrata

Gosto muito destes democratas defensores do povo e dos direitos dos oprimidos e carenciados, sempre em prol da libertação.
Estes partidos de esquerda, com lideres criados na demagogia e ilusão utópica de que são detentores do sonho e realizadores da eterna felicidade e igualdade para tudo e todos. Uma cartilha fotocopiada e cuidadosamente alterada e transformada da Bíblia cristã. Quem se der ao trabalho de fazer uma análise vera que as bases, os princípios, os respeitos e esperanças, sonhos e realidades estão estampadas nas duas ideologias mas ambas se recusam a aceitar e a conviver uma com a outra, são fruto da essência mais primitiva “o ser humano”
Gostava de saber que felicidade, igualdade difere uma da outra onde o ser feliz e realizado proporcionado pelos partidos de esquerda, é diferente dos cristãos orientados pelas bíblias, um adora a Deus outro idolatra o Partido mas enfim isto são outras meias porque na verdade o que me interessa mesmo é soltar a franga sobre o BE.
Pois quando o protagonismo e a ribalta toca ao oportunista do ser humano todos os valores, princípios e regras que tanto proclamam cai por terra e arranjam-se sempre alternativas para se contornar as evidencias e se continuar a manter ilusões e vedetismo que estão inseridos e habituados para não perderem os poderes.
Por isso não me venham com esquerda, direita, centro, e muito menos uns verdes ecologistas que são uns mandarilhos do PC, eu sou pela ecologia, e reaproveitamento de recursos, preservação do planeta e isso não contempla ideologia política ou melhor contempla todas as ideologias mas neste triste País, resolvem logo confundir e baralhar tudo para meia dúzia de palhaços comerem e desfrutarem a conta dos outros.
O JC do Bloco de Esquerda chamado por meia dúzia de cegos por grande Lousã, tanto proclama que e um partido plural e democrático, agora que levaram uma real reprimenda do SEU povo e lhes tirou a faladura ilusória afinal não se DEMITE. Afinal, este Senhor Professor Catedrático, sabedor e conhecedor dos desejos do povo não percebeu de que o SEU povo já não o aprova? Povo que resolveu abrir os olhos aquilo que muitos de nós já sabíamos, não passam de mais uns a procura de protagonismo e poleiro.
Confessa este Lousã de que vai aprender com os erros e emendar, ainda? E querem este senhor a liderar um partido orientador de tanto voto? E o erro do Alegre? E o erro do voto de confiança ao Governo PS, dando assim mais tempo e legitimidade para que Sócrates se sentisse confiante para continuar a fazer todas as poucas vergonhas que fez ultimamente, e por fim o erro da recusa de ir defender as ideias dos seus votantes e seguidores nas reuniões com a Troika.
Para mim logo na pretensão de quer o Alegre como a sua bandeira, era suficiente para o por o andar ou como dizem eles o comité de decisão. Bem sendo assim, já são muitos e então e melhor mesmo irem todos na verdade a verdadeira política de mudança de esquerda esta nas bases do partido e não na cúpula.
Confesso que o aparecimento do BE, pensei ser finalmente aquela voz de esquerda revigorada, não fanática, (ate porque tinha muita da classe jornalística pessoas teoricamente informadas), que saberia defender as leis dos desfavorecidos mas com a capacidade de se entender e compreender a realidade da sociedade comercial e negocial onde num verdadeiro relacionamento e capacidade de exigir e ceder poderá fazer com que ambas as partes vençam e se desenvolvam.
Jamais se conseguirá fazer uma sociedade igual, já tentamos todas as ideologias as de Lenine e Max, Fidelista e nenhuma resultou, já tivemos várias sociedades capitalistas, Salazar, Franco, etc. e também estas não resultaram.
A verdade é que no nosso tempo de Salazar, tínhamos as classes ricas, classes médias e classes baixas, mas nem os ricos eram Tão ricos como hoje e nem a classe media estava tão pobre como hoje, e as classe baixas essa continuam na mesma. Mas hoje com a democracia actual, tornamos esses ricos como MAIS RICOS e poderosos e o mais grave chegaram a este patamar por compadrio dos políticos e vendidos e sem escrúpulos nem pudor. Qualquer coisa serve para atingirem o seu fim ao invés de outrora, o governo e estado era um real contra peso as suas ambições e atitudes.
As classes medias hoje não existem, estão fracas desprotegidas e falidas, e as classes pobres ganharam direitos mas depois pagam para os ter ficaram na mesma mas meio adormecidos e amordaçados mas pobres na mesma.
Por isso a velha Democracia Grega, a originaria de todas as democracias foi mais uma vez utópica e mais um sonho e uma estratégia de camuflar o abuso e exploração de uns pelos outros que enquanto não percebem onde estão inseridos vão gritando e aplaudindo uma meia dúzia de falsos profetas sempre na esperança de um dia passarem eles a desfrutar dessas mordomias e poderio. Entramos desde a uns anos numa DEMOCRACIA-TOTALITARIA.
DEMOCRACIA-TOTALITARIA, sendo a sua definição uma politica eleita representativa pelo povo através do voto, mas que seja qual for o partido eleito tem como fim proteger e servir uma serie de poderes tanto políticos, económicos e sociais e ate religiosos, mantendo uma hegemonia e conservando os poderes e actuações camufladas dos grandes.
Louça provou ser igual aos outros, e serem mais um partido, que entrou no circuito para também chular e beneficiar das mordomias políticas, parlamentares, e dos eleitores. Uma vergonha, e sem vergonha na cara onde dito pluralismo e democracia e igualdade afinal não existe e muito menos o direito a opinião pois veja-se as criticas que o Daniel tem recebido por falar o que considero lógico, racional, e natural.
JAM
11/06/2011

Nunca devia ter-me esforçado para ser um PAI fixe.

Alguns dos erros nos actuais modos de educar dos Pais de hoje para com os filhos, é trata-los como amigos de ”escola”. Querer ser os ditos pais “fixes”. Aceitarmos os estados e atitudes dos adolescentes para uma aproximação tanto a nível, idade como vestir ou gostos e preferências.
Ou seja uns pais “COOL”, esse foram um de varios dos meus erros, ser fixe. Pura ilusão tanto para um filho e muito mais para um PAI.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Ao Dia da CRIANÇA.

A todas as CRIANÇAS. As CRIANÇAS Velhas, as CRIANÇAS Adultas, as CRIANÇAS Recem-Nascidas, as CRIANÇAS, e as CRIANÇAS Adolescentes que sejam FELIZES e a Felicidade as Faça CRIANÇAS de NOVO.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

BCE detectou depósito irregular do Banco de Portugal na Caixa

Procurem procurem que há muito mais por ai escondido, a pandilha estava toda armada ate mandaram um deles para a Europa para facilitar as coisas.



BCE detectou depósito irregular do Banco de Portugal na Caixa

Económico
02/05/11 17:55
enviar noticia

Depósito de 10 milhões de euros terá sido feito por "erro operacional" do banco central português.

O Banco Central Europeu (BCE) destacou no seu relatório anual de 2010 que o Banco de Portugal actuou de forma irregular ao ter "colocado um depósito" de quase 10 milhões de euros num banco público português em Maio do ano passado.

"O Banco de Portugal colocou um depósito a sete dias, no montante de 12,5 milhões de dólares [9,87 milhões de euros à data], junto de um banco público português em 13 de Maio de 2010. Tal ficou a dever-se a um erro operacional", indica o relatório anual do Banco Central Europeu (BCE), referindo-se à Caixa Geral de Depósitos.

Em causa, adianta a instituição europeia, está a eventual violação dos artigos 123 e 124 do Tratado da União Europeia. O primeiro proíbe a concessão de créditos sob a forma de descobertos ou sob qualquer outra forma pelo BCE e pelos bancos centrais nacionais em benefício de governos e de instituições ou organismos da UE.

Já o artigo 124 proíbe quaisquer medidas, não baseadas em considerações de ordem prudencial, que possibilitem o acesso privilegiado às instituições financeiras por parte dos governos e das instituições ou organismos da UE.

O Banco Central Europeu relembra que "em termos mais gerais [...] as proibições estipuladas nos artigos 123.º e 124.º do Tratado devem ser rigorosamente cumpridas, mesmo num contexto de crise financeira".

A Lusa contactou o Banco de Portugal para obter esclarecimentos, mas até ao momento não obteve resposta.

terça-feira, 26 de abril de 2011

A Frio sobre a acabadinha entrevista de Socrates

Incrível como Sócrates mantém a sua tónica de que não seria preciso o pedido de empréstimo, se não tivesse havido a crise política, incrível. E reafirma da irresponsabilidade da oposição ter recusado o PEC 4.
Gostaria de que não tivéssemos pedido de ajuda? Ele o Sócrates? He he é preciso ter lata e cara de pau. A única coisa que o PSD faz é levantar suspeitas sobre o governo? Porque será que se suspeita de tanto roubo?
ATENÇÃO Sócrates quer proteger o País, do FMI ?? he he he , dele pois claro o primeiro perigo é ele.
Esperem Sócrates não quer comprometer o País, de todos as imposições a serem impostas a Portugal.
Kakakak Sócrates não deixa cair um ministro, bemm o nosso P.M. no seu melhor.
Olhar para 2011 com tranquilidade, rsss bem +e preciso ter muita lata e cara de pau, pois para ele é vai ser sempre com tranquilidade.
JAM 26.4.2011

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Precisa-se de matéria prima para construir um País

Eduardo Prado Coelho

Precisa-se de matéria prima para construir um País
Eduardo Prado Coelho - in Público

A crença geral anterior era de que Santana Lopes não servia, bem como
Cavaco, Durão e Guterres. Agora dizemos que Sócrates não serve. O que vier depois de Sócrates também não servirá para nada. Por isso começo a suspeitar que o problema não está no trapalhão que
foi Santana Lopes ou na farsa que é o Sócrates.
O problema está em nós. Nós como povo.
Nós como matéria-prima de um país.
Porque pertenço a um país onde a ESPERTEZA é a moeda sempre
valorizada, tanto ou mais do que o euro.
Um país onde ficar rico da noite para o dia é uma virtude mais
apreciada do que formar uma família baseada em valores e respeito aos
demais.
Pertenço a um país onde, lamentavelmente, os jornais jamais poderão
ser vendidos como em outros países, isto é, pondo umas caixas nos
passeios onde se paga por um só jornal E SE TIRA UM SÓ JORNAL,
DEIXANDO-SE OS DEMAIS ONDE ESTÃO.
Pertenço ao país onde as EMPRESAS PRIVADAS são fornecedoras
particulares dos seus empregados pouco honestos, que levam para casa,
como se fosse correcto, folhas de papel, lápis, canetas, clips e tudo o que possa ser útil para os trabalhos de escola dos filhos....e para eles mesmos.
Pertenço a um país onde as pessoas se sentem espertas porque
conseguiram comprar um descodificador falso da TV Cabo, onde se frauda a declaração de IRS para não pagar ou pagar menos impostos.

Pertenço a um país:
- Onde a falta de pontualidade é um hábito;
- Onde os directores das empresas não valorizam o capital humano.
- Onde há pouco interesse pela ecologia, onde as pessoas atiram lixo
nas ruas e, depois, reclamam do governo por não limpar os esgotos.
- Onde pessoas se queixam que a luz e a água são serviços caros.
- Onde não existe a cultura pela leitura (onde os nossos jovens dizem que é 'muito chato ter que ler') e não há consciência nem memória política, histórica nem económica.
- Onde os nossos políticos trabalham dois dias por semana para aprovar
projectos e leis que só servem para caçar os pobres, arreliar a classe
média e beneficiar alguns.

Pertenço a um país onde as cartas de condução e as declarações médicas
podem ser 'compradas', sem se fazer qualquer exame.
- Um país onde uma pessoa de idade avançada, ou uma mulher com uma
criança nos braços, ou um inválido, fica em pé no autocarro, enquanto
a pessoa que está sentada finge que dorme para não lhe dar o lugar.
- Um país no qual a prioridade de passagem é para o carro e não para o peão.
- Um país onde fazemos muitas coisas erradas, mas estamos sempre a
criticar os nossos governantes.
- Quanto mais analiso os defeitos de Santana Lopes e de Sócrates,
melhor me sinto como pessoa, apesar de que ainda ontem corrompi um
guarda de trânsito para não ser multado.
- Quanto mais digo o quanto o Cavaco é culpado, melhor sou eu como
português, apesar de que ainda hoje pela manhã explorei um cliente que
confiava em mim, o que me ajudou a pagar algumas dívidas.

Não. Não. Não. Já basta.

Como 'matéria prima' de um país, temos muitas coisas boas, mas falta
muito para sermos os homens e as mulheres que o nosso país precisa.

Esses defeitos, essa 'CHICO-ESPERTERTICE PORTUGUESA' congénita, essa
desonestidade em pequena escala, que depois cresce e evolui até se converter em casos escandalosos na política, essa falta de qualidade humana, mais do que Santana, Guterres, Cavaco ou Sócrates, é que é
real e honestamente má, porque todos eles são portugueses como nós,
ELEITOS POR NÓS. Nascidos aqui, não noutra parte...

Fico triste.

Porque, ainda que Sócrates se fosse embora hoje, o próximo que o
suceder terá que continuar a trabalhar com a mesma matéria-prima
defeituosa que, como povo, somos nós mesmos.

E não poderá fazer nada...

Não tenho nenhuma garantia de que alguém possa fazer melhor, mas
enquanto alguém não sinalizar um caminho destinado a erradicar
primeiro os vícios que temos como povo, ninguém servirá.

Nem serviu Santana, nem serviu Guterres, não serviu Cavaco, nem serve
Sócrates e nem servirá o que vier.

Qual é a alternativa?

Precisamos de mais um ditador, para que nos faça cumprir a lei com a
força e por meio do terror?

Aqui faz falta outra coisa. E enquanto essa 'outra coisa' não comece a
surgir de baixo para cima, ou de cima para baixo, ou do centro para os
lados, ou como queiram, seguiremos igualmente condenados, igualmente
estancados....igualmente abusados!

É muito bom ser português. Mas quando essa portugalidade autóctone
começa a ser um empecilho às nossas possibilidades de desenvolvimento
como Nação, então tudo muda...

Não esperemos acender uma vela a todos os santos, a ver se nos mandam
um Messias.

Nós temos que mudar. Um novo governante com os mesmos portugueses nada
poderá fazer.

Está muito claro... Somos nós que temos que mudar.

Sim, creio que isto encaixa muito bem em tudo o que anda a acontecer-nos:

Desculpamos a mediocridade de programas de televisão nefastos e,
francamente, tolerantes com o fracasso.

É a indústria da desculpa e da estupidez.

Agora, depois desta mensagem, francamente, decidi procurar o
responsável, não para o castigar, mas para lhe exigir (sim, exigir)
que melhore o seu comportamento e que não se faça de mouco, de
desentendido.

Sim, decidi procurar o responsável e estou seguro de que o encontrarei
quando me olhar no espelho.
Aí está. Não preciso procurá-lo noutro lado.
Prado Coelho

O mundo inteiro precisa de um líder assim!

Primeiro-Ministro australiano brilhou novamente! Sem complexos, com coragem!

Primeiro Ministro Kevin Rudd - Australia

Foi dito na quarta-feira aos muçulmanos que querem viver debaixo da lei islâmica Sharia para saírem da Austrália,
agora que o governo está de mira nos radicais, numa tentativa de desviar ataques terroristas potenciais.·
Separadamente, Rudd enfureceu alguns muçulmanos australianos na quarta-feira
dizendo que ele apoiava agências de espionagem que monitoram as mesquitas da nação.


Citação:
'IMIGRANTES, E NÃO OS AUSTRALIANOS, TÊM QUE SE ADAPTAR.

SE NÃO ACEITAREM, VÃO EMBORA.
Estou cansado desta nação que se preocupa sobre se estamos ofendendo algum indivíduo ou a sua cultura.
Desde os ataques terroristas em Bali, experimentamos uma onda de patriotismo sobre a maioria dos australianos.'
'Esta nossa cultura foi desenvolvida através de dois séculos de lutas,

experiências e vitórias por milhões de homens e mulheres que buscaram liberdade.'
'Falamos principalmente o INGLÊS, não espanhol, libanês, árabe, chinês, japonês, russo ou qualquer outro idioma.
Então, se você desejar se tornar parte de nossa sociedade, aprenda o idioma!'
A maioria dos australianos crê em Deus.
Não se trata de um movimento direitista político, mas um fato,

porque homens e mulheres cristãos fundaram esta nação em princípios cristãos, e isto está claramente documentado.

É certamente apropriado exibir isto nas paredes de nossas escolas.
Se Deus o ofender, então sugiro que você considere outra parte do mundo como seu novo lar,

porque Deus faz parte de nossa cultura.'
'Aceitaremos suas convicções e não questionaremos por que.
Tudo que pedimos é que você aceite as nossas, e que viva em harmonia e desfruto pacífico connosco.'
'Este é NOSSO PAÍS, NOSSA TERRA e NOSSO ESTILO DE VIDA

e nós lhe permitiremos toda oportunidade para desfrutar tudo isso.
Mas uma vez que você acabe de reclamar, lamentar e se queixar sobre

Nossa Bandeira, Nosso Penhor, Nossas Convicções Cristãs ou Nosso Modo de Vida,
eu recomendo fortemente que você tire proveito de uma outra grande liberdade do australiano,
'O DIREITO de IR EMBORA.''
'Se você não está então contente aqui PARTA.
Não o forçamos a vir aqui. Você pediu para estar aqui.
Assim aceite o país que VOCÊ aceitou.'

Talvez se circularmos isto entre nós, vamos achar coragem para começar a falar e a expressar as mesmas verdades.

Se você concordar, por favor ENVIE ISTO sem parar para tantas pessoas quanto puder.

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Comento CRONICA de Fernado Dacosta - 82 TempoLivre | OUT 2008. JA NAO HA HOMENS ASSIM!

CRONICA de Fernado Dacosta - 82 TempoLivre | OUT 2008.

Diz-se por aqui que esta noticia não devidamente divulgada e comentada. Pois bem é entendível, num pais onde primam os corruptos, Boys, afilhados, sobrinhas, compadrios, e outros afins, não se pode divulgar nem mostrar que afinal existem actos de extrema nobreza, civismo, sentido de estado, integridade, e acima de tudo de um HOMEM com letra grande coisa que não há muito neste triste país.
Fernado Dacosta, escreveu uma crónica a respeito de um Grande General Ramalho Eanes, e isto sei não pelo que se diz ou cria, mas sim do meu tempo de militar de serviço obrigatório, nos meus 16 meses, e o qual faz muita falta a este Pais, fazia Homens, transformava o cheirinho a leite materno em Homens a cheirar a suor, fazia das fraldas numa farda que se envergava com orgulho e prazer.
Concordo que 16 meses eram desmaiado, talvez uns 6 meses, a 10 meses fossem os suficiente, na verdade pela minha experiencia, o tempo de recruta, sim foi o mais saboroso e que me trás as saudades, o restante tempo era um vegetar por secretarias e repartições sem nenhuma utilidade publica.
Mas nessas deambulações, onde se relacionavam desde soldados rasos, sargentos e classe oficial, era frequente as velhas histórias de guerra e experiencias de todos aqueles que serviram a nossa Bandeira e Hino Nacional. Quando se perguntava quem e como era o General Eanes, era referenciado com um homem justo, corajoso, destemido, correcto, respeitador, etc e isto levou-me a respeita-lo não só pela política mas sim por um todo.
Se foi bom ou mau P.R., não comento nem é esse o meu propósito agora, para alem de que na altura as minhas prioridades eram outras disco, cinema, praia, boa vida, entre outras.
No entanto, esta crónica, veio comprovar a boa imagem e respeito que nutri por este Grande Senhor e ex-militar que sejam as causa correctas ou não sobe Honrar e fazer Honrar o nome de PORTUGAL, alem fronteiras e nos Inimigos de então.
Uns têm direito pelo seu trabalho de uma vida a muito dinheiro e por respeito ao pais recusam-no, outros são acusados de actos impróprios e duvidosos, que ate hoje não esta definitivamente esclarecido, cobram ao estado milhares de euros pelo tempo que esteve preso por dúvidas nos seus comportamentos. Estes são as diferenças dos princípios que defendo e quero para o meu País, homens com letra GRANDE.
Parabéns Ramalho Eanes, Obrigado Fernando Dacosta.

J.A.M. 18-04-2011





FERNANDO DACOSTA (copiado por nao conseguir colocar PDF)
Seres decentes
Quando cumpria o seu segundo
mandato, Ramalho Eanes viu serlhe
apresentada pelo Governo uma
lei especialmente congeminada
contra si.

Otexto impedia que o vencimento do
Chefe do Estado fosse «acumulado
com quaisquer pensões de reforma
ou de sobrevivência» públicas que
viesse a receber.
Sem hesitar, o visado promulgou-o, impedindo-
se de auferir a aposentação de militar para a
qual descontara durante toda a carreira.
O desconforto de tamanha injustiça levou-o,
mais tarde, a entregar o caso aos tribunais que, há
pouco, se pronunciaram a seu favor.
Como consequência, foram-lhe disponibilizadas
as importâncias não pagas durante catorze
anos, com retroactivos, num total de um milhão
e trezentos mil euros.
Sem de novo hesitar, o beneficiado decidiu,
porém, prescindir do benefício, que o não era
pois tratava-se do cumprimento de direitos escamoteados
- e não aceitou o dinheiro.
Num país dobrado à pedincha, ao suborno, à
corrupção, ao embuste, à traficância, à ganância,
Ramalho Eanes ergueu-se e, altivo, desferiu uma
esplendorosa bofetada de luva branca no videirismo,
no arranjismo que o imergem, nos imergem
por todos os lados.
As pessoas de bem logo o olharam empolgadas:
o seu gesto era-lhes uma luz de conforto, de
ânimo em altura de extrema pungência cívica, de
dolorosíssimo abandono social.
Antes dele só Natália Correia havia tido comportamento
afim, quando se negou a subscrever
um pedido de pensão por mérito intelectual que
a secretaria da Cultura (sob a responsabilidade de
Pedro Santana Lopes) acordara, ante a difícil situ -
ação económica da escritora, atribuir-lhe. «Não,
não peço. Se o Estado português entender que a
mereço», justificar-se-ia, «agradeço-a e aceito-a.
Mas pedi-la, não. Nunca!»
O silêncio caído sobre o gesto de Eanes (deveria,
pelo seu simbolismo, ter aberto telejornais e
primeiras páginas de periódicos) explica-se pela
nossa recalcada má consciência que não suporta,
de tão hipócrita, o espelho de semelhantes comportamentos.
“A política tem de ser feita respeitando uma
moral, a moral da responsabilidade e, se possível,
a moral da convicção”, dirá. Torna-se indispensável
“preservar alguns dos valores de outrora, das
utopias de outrora”.
Quem o conhece não se surpreende com a sua
decisão, pois as questões da honra, da integridade,
foram-lhe sempre inamovíveis. Por elas, solitário
e inteiro, se empenha, se joga, se acrescenta
- acrescentando os outros.
“Senti a marginalização e tentei viver”, confidenciará,
“fora dela. Reagi como tímido, liderando”.
O acto do antigo Presidente («cujo carácter e
probidade sobrelevam a calamidade moral que
por aí se tornou comum», como escreveu numa
das suas notáveis crónicas Baptista-Bastos)
ganha repercussões salvíficas da nossa corrompida,
pervertida ética.
Com a sua atitude, Eanes (que recusara já o
bastão de Marechal) preservou um nível de di -
gnidade decisivo para continuarmos a respeitar-
-nos, a acreditar-nos - condição imprescindível
ao futuro dos que persistem em ser decentes.
TempoLivre | OUT 2008

As Folhas Brancas.

As folhas nunca são ou foram brancas ou vazias, nelas já existe o texto, as memorias, as ideias e tudo o mais, mas que simplesmente ainda não foi devidamente revelado.


A folha Branca nasce com destino e vida, nasce com o seu propósito de vida, nasce com o seu caminho traçado ao seu dono.

A folha Branca, nunca foi branca desde sempre já tem a escrita em si impressa ou escrita, só aguarda que alguém a revele.

A folha Branca, em silêncio aguarda que alguém consiga revelar as suas letras invisíveis, para que finalmente possa ser lida pelo mundo.

A folha branca, sabe que embora já escrita em tinta invisível, o seu destino pode ser no fundo de uma gaveta, num armário de livraria, ou numa montra expondo as suas ideias e sonhos.

A Folha Branca, límpida e serena tem o dom de ao ser manchada de tinta formando palavras e frases, fazer sonhar, pensar, rir e chorar.

A Folha Branca, já nasceu com vida e a vida será a dimensão que tiver de ser desde que o seu dono consiga fazer soltar-se as palavras que ela tem guardadas em segredo.

A Folha Branca, tem o seu cheiro, que com a tinta fazem nascer aquilo que é das criações mais belas do Homem, o Livro.

J.A.M. – 18-04-2011

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Resposta ao C. Chaplin (com todo o respeito por este genio)

Texto enviado por uma AMIGA.


Chorar não resolve, falar pouco é uma virtude, aprender a se colocar em primeiro lugar não é egoísmo. Para qualquer escolha se segue alguma consequência, vontades efémeras não valem a pena quem faz uma vez, não faz duas necessariamente, mas quem faz dez, com certeza faz onze. Perdoar é nobre, esquecer é quase impossível. Quem te merece não te faz chorar, quem gosta cuida o que está no passado tem motivos para não fazer parte do seu presente, não é preciso perder para aprender a dar valor, e os amigos ainda se contam nos dedos.
Aos poucos você percebe o que vale a pena, o que se deve guardar pro resto da vida, e o que nunca deveria ter entrado nela. Não tem como esconder a verdade, nem tem como enterrar o passado o tempo sempre vai ser o melhor remédio, mas seus resultados nem sempre são imediatos.

Charles Chaplin



Resposta a essa mesma Amiga.

Ficar bem é algo relativo e muito subjectivo, mas existem momentos definidos e se podem interpretar como estar bem, ou muito bem, ou muitíssimo bem. Na realidade esses momentos só seriam plenos se todos os que conhecemos e não, estivessem bem.
Mas chorar não resolve mas ajuda, falar pouco pode ser uma virtude mas uma ausência do que se quer dizer, e se merecemos e queremos devemos estar sempre em primeiro lugar. As escolhas são sempre nossas independentes serem justas, certas ou coerentes, as enfermidades só são validas uma ou duas vezes a terceira já roça o limite do impossível sustentar, mas dez definitivamente fora de questão mesmo que chega a eles simplesmente ou não sabe o que se quer ou para onde se quer ir. Perdoar faz parte do conhecimento de si mesmo, onde temos a consciência de que não somos perfeitos e sem defeitos e muito menos sabedores da única razão, e isso fará sempre nos lembrar-mos dos erros para não os repetir, e se se repetir deve ser com consciência de que somos serem imperfeitos a procura de um ser melhor e mais justo. Causar choro não e por não merecer mas por merecer sempre no eterno desejo de querer merecer, o passado é a historia escrita por nós com os seus caminhos que muitas vezes se a pudéssemos reescrever muita coisa mudaria na esperança para melhor e estar bem ou muito bem.
O que escolhemos, e o que entra na nossa vida tem o seu motivo, e esse motivo só nós saberemos o posicionar, mas o valer a pena ou não e algo meio incoerente, que não esta claro, mas uma coisa e certa as vezes as escolha são tomadas pelo outro lado onde nós simplesmente acatamos a decisão, e a resumimos ao claro ou evidente. Mas sim o tempo resolvera indutivamente as coisas si é por isso que ele existe, e será ele que nos esclarecerá se as decisões foram ou não as acertadas, e dai a vontade de rescrever a nossa historia. Mas eu nunca me ponho nesse estado pois entendo de algo obriga a uma troca ou intercambio de algo revela uma ligação, e essa ligação tem sempre um ou o motivo e razão de ser, mesmo que possa cessar, mas fica sempre a e na memoria do ter valido a pena e estar bem.

Resposta ao C. Chaplin (com todo o respeito)

quinta-feira, 14 de abril de 2011

VAMOS AJUDAR O PAÍS!!!

Está provado que se cada português consumir 100 EUR de produtos nacionais por mês a economia cresce acima de todas as estimativas e ainda cria 1 posto de trabalho!



Ponham a mensagem a circular, nem que seja a uma só pessoa, desde que circule. Por favor, quando for ao supermercado, dê preferência aos produtos de fabrico Português. Se não sabe quais são, verifique sempre o CÓDIGO DE BARRAS: TODOS OS PRODUTOS PORTUGUESES COMEÇAM POR "560" NO CÓDIGO DE BARRAS!


PS. SE no PS, PSD, CDS, PCP e BE e TODOS os OUTROS POLITICOS, e encontrarem um " 560 " no codigo de barras, NAO LIGUEM SÃO FALSOS PORTUGUESES.

terça-feira, 12 de abril de 2011

AGORA SIM!

AGORA SIM, o FMI vai saber como estão as contas Publicas deste triste País.


Agora SIM, a Europa vai saber efectivamente quem governou este País.

Agora SIM, Sócrates vai ser desvendado.

Agora SIM, vai começar a queda do pantomineiro que não queria pedir ajuda externa.

Agora SIM, ele foi obrigado a receber o FMI ainda com ele no poleiro.

Agora SIM, vamos saber a causa do aumento do juros.

Agora SIM, vão começar a descer os juros se se perceber que PS vai perder as ELEIÇÕES.



JAM 12 -04-2011

Produção de 2011.

Passos Coelho PERDEU!

Acabou por ditar a sua sentença, Nobre para Presidente da Assembleia da Republica? Mas onde anda este Coelho? Na Lua? Como pode um indivíduo sem experiencia e conhecimento de procedimentos, e métodos, ser o controlador daquela cambada de negrumes, calões, que em vez de produzirem alguma coisa só sacam, insultam-se, fazem chifres uns aos outros, criam crises económicas e políticas por dar um jeitão para fugir as responsabilidades e justificações.




Alguém com dois dedos de testa bem medidos, e uns parcos 5 de Q.I., percebe que Nobre um tenrinho, a liderar a A.R., vai ser um descalabro total ou no mínimo e os mais importante nos primeiros dois anos do mandato.



Nesta conjectura politica onde os líderes PS e PSD se amam, e se beijam por tudo e por nada. Já se esta a imaginar como vai ser o clima e o estado desta nova A.R., ou acham porque é que o actual P.A.R., Jaime Gama já se despediu, ele sabe melhor do que ninguém que depois das eleições vai ser duro, violento, a capacidade de gerir os novos incapazes de trabalhar, e vão querer mostrar serviço mal feito, que dias depois, negaram com todos os dentes que têm na boca o que fizeram.



Gerir o eternos CONTRA, adeptos do Não permanentes, cheios de estrelinhas e outros com a única fonte de trabalho uma única foice e um martelo, os que levantam o a rosa e dizem somos a voz do povo e depois deixam o país na banca rota, dando o exemplo ao povo de que o importante é responder com uma par de “chifres” e “(…)a tua tia é que é, o pah(…)”, mas se encherem os bolsos e arranjarem bom cargos aos amigos e famílias, mais o eterno partido das feiras e romarias, com bolinha de alvo, mas só dão tiros nos submarinos, e por fim os defensores de sociabilidade e equilíbrio de direitos, e depois criam um banquinho pequenino por certo, mas que já lá vão milhões que todos temos desembolsamos para manter uma meia dúzia de BOYS.



E quem acha que o tenrinho do NOBRE, vai ser capaz de gerir esta corja e saltimbancos sem pátria, esta louco na verdade, isto mostra a total ausência de noção da realidade e das funções de estado e suas responsabilidades.



Já se têm três instituições em crise, um P.R., que não faz, não articula, não gere emoções, não cria ou obriga razoes de entendimento, entre outras. Um governo que depois de perceber que já não dava mais para enganar a Europa, e o Povo Português deu o golpe do Baú e demite-se e cria uma crise politica em sua conveniência, e uma A.R., que fala, fala, fala, não faz nada e nós é que somos estúpidos, não toma medidas justas, sorve dinheiros em ajudas de custo, deslocações, representações, comissões, etc etc etc e para quê?? Para alimentar meia dúzia de amigos convenientes.



Por isso desde quando Nobre tem competência a Presidente daquela instituição, que ao menos seja a única que pode dar algum descanso ao Povo, seja a única que por muito mal que se encontre e isso ao menos Jaime Gama conseguiu, manter uma certa dignidade da intuição de representação do eleitorado Nacional. Por favor saldem estes políticos da treta, vão ao mercado externo comprar políticos a sério, dá-se milhões por jogadores da bola para dar uns pontapés todos os FDS, ora aceito plenamente ir ao mercado externo buscar políticos a serio para próxima época.



Passos Coelho pode não ter experiencia de governação, mas tem experiencia politica, já lá anda a muitos anos, já devia medir as palavras e os seus actos, mandar uma bujarda destas? Nobre ao Parlamento e Presidente JÁ! Resume que anda numa Maria vai com as outras.



A serie de erros que Passos Coelho tem dado, e que já o poderia ter posto á muito e muitos votos acima em maioria há muito tempo atrás, mas têm-se vindo a enterrar dia para dia. Sabemos que é boa pessoa, cheio de vontade e seriedade, sedento por endireitar o Pais, mas ainda anda de fraldas, e desviou-se do que o elegeu.



O que o fez ser o Líder do PSD contra tudo e todos, foi cortar com a seita dos velhos do Restelo que assim como na politica e em todos os partidos onde no PSD existem e não são poucos não, que controlavam e faziam o que queriam, ele foi a voz do rasgar com isso tudo, começar de novo, o ar puro na poluição, mas acabou por se render aos vencidos e entrar na mesma linha, e pior de tudo é que entrou, e quer fazer mostrar que não entrou, e assim nem é preto nem branco é uma M……



Por isso com tanto tiro no Pé, tanto cospe no ar, que acabou por perder o pouco que lhe restava a coerência e sentido de independência. Por mim, já não será neste que vou reclamar a minha revolta pela esta governação de 6 anos, e pelo Sócrates cego pelo seu egocentrismo e único conhecedor da verdade e razão.



Irei votar sim, mas na verdade comecei do ponto Zero, ONDE? ONDE? ONDE.



JAM 12-4-2011

domingo, 10 de abril de 2011

Castigo a Jorge Jesus?

Castigo a Jorge Jesus só saiu depois de o campeonato estar decidido e esclarecido?

Porque será? E diz o Benfica que o Porto paga para tudo e todos, compra campeonatos, títulos, castigos, etc, etc, etc. Resumindo nunca jogam claro e limpo, e esta situação foi o Porto??

Muito se fala, fala, fala, e esquecem-se dos seus telhados de vidro. Não se olham ao espelho e vêm o ridículo?? É na Politica e no futebol enfim.

Por mim estou a vontade sou Lagarto e estou fora desta treta. Mas o triste é que 80% da população corre atrás dos comentários destas aberrações dirigentes e transforma o ridículos que eles são em rios de sangue e violência onde quem ganha são sempre os mesmo os escroques dirigentes.

JAM

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Teixeira dos Santos CONFESSA!

Teixeira dos Santos, diz que na verdade o País precisa de uma ajuda financeira externa,  e que não é momentânea mas sim para alguns anos. Este não é o Ministro de confiança do Primeiro? O que cozinhou e geriu as nossas finanças? E afirmou sempre de que éramos invencíveis e a oposição eram difamadores?
Bem começaram as facadas nas costas para salvarem a pele e os seus tachos vamos ver o chorrilho de vira casacas que vão começar a desabrochar nesta classe triste que são os políticos
JAM

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Os SEUS amiguinhos acabaram por o matar


Nós na crise por ele criada, e pior ainda escondida, teimosamente ignorada por orgulho próprio, como se ele fosse um Homem de palavra e postura séria e honesta. Fez PEC atrás de PEC, que agora felizmente, que acabou estes PECalvário, pois pela frequência e pelo hábito, avizinhava-se um número mínimo de 6 PEC’s onde o fim só seria uma posição igual ou seja GOVERNO RUUUUUAAA.

O seu falso estado de preocupação, e responsabilidade, pelo País, onde no seu egocentrismo, que bem tenta nos convencer o que existe, a permanente mentira, onde um dia diz uma coisa não precisamos do FMI, e no dia seguinte bora todos juntos pedir uns Milhões ao FMI, porque afinal isto esta uma bosta e eu já não consigo esconder mais, o que andei a roubar, dar e gastar.

Os SEUS amiguinhos acabaram por matar o seu imbativel ORGULHO, tiraram-lhe o tapete (assim como ele o tem feito estes anos todos) tanto protegeu os Bancos e os apadrinhou e se ajoelhou aos seus caprichos e vontades, que assim que esses Bancos os seus amigos começaram a ver realmente, que o que estavam a cobrir ao abrigo de algo irreal e inrealizavel e não iria ter nunca como ser pago, nem amanha nem nunca, pois só para pagamentos dos empréstimos o nosso PIB não chegara, e esta em causa toda uma classe de barrigas cheias, carros topo de gama, e relógios raros, estes aminguinhos decidiram em surdina tirar-lhe o tapete e o Show Man, CAIU, o Enormissimo ORGULHO CAIU, o 1º Ministro que disse ter feito Historia CAIU para a Historia.

O Burro, não foi ver a Historia recente, de que quem faz cair o celebre (ups), Santana Lopes foram esses mesmos seus amiguinhos Banqueiros, que depois deste ter aumentado os Impostos á Banca, tambem tiraram o tapete ao Santana Lopes, esses mesmos, os mesmo que se fizeram amiguinhos do Show Man Sócrates e ajudaram a ir pró poder para terem um capacho para lhes executar as vontades.

Comprova-se mais uma vez, que não são os políticos nem a A.R., nem o P.R. que mandam neste Pais, são os Bancos, alguem disse-o e foi afastada por dizer uma verdade “(…) quem manda, é quem tem dinheiro e paga(…)”. calam-se verdades e e afnal os que pagam os 4 “TODO PODEROSOS”, se juntaram decidiram, deram entrevistas de vedetas e puff o Show Man CAIU. engoliu toda a fanfarronice.

Espero sinceramente que o Sócrates Show Man, comece a pagar pelos atropelos, traições, mentiras, falsidades, arrogância, usurpações, tráfico de influências, etc etc que depois de ser ministro do Ambiente, tem vindo a exercer nestas áreas, e ai sim com mestria e uma qualidade. Se existe um “canudo”, deste mestre, e existe reconheça-se, é nestas áreas não em Engenheira Civil ou Ingles Tecnico, ou porque se foi correr fechar a universidade que o formou??? Cala-se e anula-se, as provas e a mentira pode se tornar verdade.

Acabou, mas depois disto tudo pasme-se, o PALHAÇO , preocupa-se se fica bem assim ou assado, pergunta qual só seu lado mais bonitinho para aparecer na TV. É preciso lata e estar-se a borrifar para todos nós, uns sem comer e outros armados em modelos e vedetas pois isso é que importa e é premente fazer, não se vá acabar o "TACHO".

Uns sem emprego, e ele preocupado com a sua aparência, uns sem saber como resolver a sua vida, e este paspalho a pedir opiniões de qual o seu lado mais vantajoso para se mostrar, e mais uma vez poder voltar a convencer e a enganar ao povo.

Vejam o vídeo e sintam tristeza e pena de um triste que sem o “tacho” do governo não tem futuro profissional pois não sabe fazer mais nada do que LUDIBRIAR.

JAM 07/04/2011

terça-feira, 5 de abril de 2011

“ e agora o burro são eles?”

Um Homem tem de ter acima de tudo a sua Honra de Palavra, de postura, de princípios, de integridade, quando o Ministro Teixeira dos Santos afirmou que se demitia se os juros chegassem aos 7,5%.


Assim a oposição com os respectivos 8.9% aos juros da divida externa aquando aaprovação do celebríssimo PEC 4, e como este dito Ministro sem vergonha na cara, não se revelou ser um homem de palavra, então a OPOSIÇÃO resolveu mostrar de que um HOMEM tem de estar ACIMA do POLITICO e fez chumbar o PEC 4 para este começar a ter postura de HOMEM uma vez que os cabelos brancos não lhe deram o mínimo senso e sentido de estar. “ e agora o burro são eles?”

JAM

sábado, 2 de abril de 2011

Michael Bernard Fitzgerald - Care for you




PREOCUPO-ME sim não só com o meu FILHO, mas também consigo e com todos os que temos de viver uma vida Hoje e AMANHA, por isso faça-o alegre e satisfeito sff.
JAM

Michael Bernard Fitzgerald feat. Lazers and Dangers - Brand New Spaces



VAMOS bater o PÉ para uma mudança definitiva pela justiça, honestidade e verdade, e façamos isso de  modo responsável alegre, e conscientes de que TUDO  será MELHOR!
JAM

Zapatero confia no Sócrates

Zapatero confia no Sócrates e na capacidade de PORTUGAL em recuperar sem pedir a FMI, pudera não, se nos accionarmos o resgate, a seguir Espanha já não terá nenhum para eles , chamem-lhe amigo e aliado chamem, e o burro do Sócrates diz que sim CLARO!!!!
JAM

terça-feira, 29 de março de 2011

O Pantomineiro Sócrates!

O Pantomineiro Sócrates, já começou! Vejam esta o meu pai em 2002 foi operado ao coração e iniciou o processo de pedido de reforma, nessa altura solicitou ao Ministério de Defesa Nacional pedido de tempo de guerra no ultramar para juntar ao processo.
Foi Operado e concedido a reforma correspondente. Infelizmente Faleceu em 2/08/2005.
Para meu espanto, recebi na semana passada uma carta do Ministério da Defesa com o seguinte pedido!
Assunto: aplicação da lei nº 9/2002 de … etc etc etc
Relativamente ao seu assunto(…), que o seu requerimento, efectuado ao abrigo da lei acima mencionada, não se encontra devidamente preenchido pelo que solicitamos que digitalize, ou remeta a estes serviços cópias dos seguintes documentos:
Cartão do Regime de Protecção Social.
Informamos V. Ex.ª. De que devera remeter (…) etc.
Com os melhores cumprimentos
Director geral, Alberto R. Coelho

Passaram 6 anos, repito & (seis) anos, e ainda solicitam a copia do cartão SS.
Por favor paremos com isto, der repente as eleições descobriram processos antigos, querem ajudar, resolver, tratar.
JAM 29-03-2011

sexta-feira, 25 de março de 2011

ACUSAÇÃO DE AVIDEZ PARA IR PRO PODER!

O Passos Coelho é acusado de estar sedento de poder e querer ir pró governo. Mas se os partidos existem e não têm desejo de serem governantes, para que existem eles? e qual a sua função?? Serem Funcionários Públicos. Desses já temos de sobra não são precisos mais e com a gravidade de serem destabilizadores. Por isso é legitimo esse desejo, agora o que estiver em minoria governamental é que tem de sabem gerir as situações para não perder o “TACHO”. Depois não é conhecida a história da dissolução do governo de Santana Lopes? De que O P.R. de então, estava a fazer a barba e decidiu, nesse mesmo dia, demitir o Primeiro-ministro, nomeado por ele próprio, e contra o que deveria ter sido feito na saída de Durão Barroso, era eleições antecipadas?
Ou seja retirou o poder e da-lo ao seu partido o PS, como que fazendo um pagamento pelo apoio nas eleiços a presidente e corrigindo a desfeita ao Ferro Rodrigues seu amigo que esperava as tais eleições antecipadas.
Por isso de querer poder! É um telhado de vidro que ninguém pode atirar pedras a ninguém pois não são telhados de vidro inquebrável antes pelo contrário.
JAM 25-02-2011

SUSPENDER O A AVALIAÇÃO DO ENSINO? PORQUE?

Mas não haverá nada que se possa aproveitar neste modelo actual?? Vamos voltar atrás de novo? Bolas porque se destrói sempre o que se construiu? Porque não se modifica e tenta ajustar as politicas para dar uma continuidade as coisas?? BOLAS tenham eles a cor partidária que tiverem fazem sempre a mesma coisa andam para trás em vez de seguir em frente que canseira, passaram 6 anos agora vamos retroceder 5,5. Este pais nunca mais tem juízo.
JAM 25-03-2011

Colapso Econômico, Fome e Miséria Programados e Iminentes.

quinta-feira, 24 de março de 2011

http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Reformas-na-Suica-com-tecto-maximo-de-1700-euros.rtp&headline=20&visual=9&article=390426&tm=7

Teixeira Dos Santos CHORA!

Teixeira dos Santos chora, na sua ultima intervenção onde inevitavelmente e finalmente caiu a esperança de aprovação do PEC 4. Abandona o hemiciclo sem justificação, a fim e não revelar o seu estado de desolação e de bebe que lhe tiraram um brinquedo.
Pessoalmente ate acho que no meio daquela cresce mimada o Teixeira dos Santos era o mais competente e com as devidas capacidades, que permanentemente foram cortadas e se lhe sobrepuseram nas decisões a tomadar.
Acredito que mais de metade do tempo o ministro andou a disfarçar e a encapotar as palhaçadas do Sócrates. Acredito que se Teixeira dos Santos quis ser um politico serio e Sócrates não deixou passando-lhe tantas vezes rasteiras que muitas delas não foram possível esconder a todos nós como bem sabemos.
CHOROU porque o seu Padrinho o ABANDONOU, 16 min., depois deste ter a triste e dura incumbência de apresentar o PEC 4?, mas CHOROU.
Chorou por perceber que toda a sua credibilidade, foi sempre posta em causa e o seu bom nome e integridade política foram abalados por num dia de vitoria eleitoral decidiu ir atrás de Sócrates que a quem ele deu a mão e Sócrates decepou pelo cotovelo.
Saiu por achar que se o Palhaço que gasta os custos de representação nas lojas de NY, e que esta agora a ser apertado como um homem na AR, foge do hemiciclo como um puto que cobardemente evita as consequências dos seus actos.
CHOROU SIM E COM RAZÃO, chorou sim, por raiva, chorou sim, por arrependimento, chorou sim por ser um individuo competente denegrido por um palhaço sem um curso superior e capacidade de trabalho, chorou sim por não poder voltar atrás na sua decisão de dar a sua palavra a um homem sem palavra e sem princípios, mal educado, um embuste que conseguiu governar Portugal, um Soares dos Reis mascarado com a protecção de um selo branco nacional.

JAM 24-03-2011

VAMOS VER QUEM TEM PALAVRA!

Agora sempre quero ver se o Passos Coelho vai fazer um Governo de solidariedade partidária onde fazia intenção de convida todos os partidos para formar governo! Como o disse aquando foi eleito para líder do partido e Isto se for eleito
JAM 23-03-2011

GRANDE PCP

Na votação de aprovação do PEC 4, o único partido que fez um trabalho de casa como um partido responsável com acento parlamentar, foi o PCP, e foi na sua base que todos outros acertaram o passo.
Pode ter sempre a mesma cassete, mas que fazem os trabalhos de casa, e queimam as pestanas disso ninguém pode duvidar.
JAM 24-03-2011

Quem nao quis Dialogar?

O PS quis do diálogo! Mas fez o PEC 4 em segredo apresentou em segredo, e so o apresentou na AR na véspera do congresso Europeu, quem é um EMBUSTE?? Que pena tiraram o brinquedo aos meninos do PS.
Por favor Sejamos HOMENS e ADULTOS com ORGULHO meninos chorões não se toleram neste Pais de Guerreiros.
Soubemos bater o pé a uma mãe subjugada ao reinado do marido, no inicio deste Grande Estado, também podemos escorraçar estes bebes mimados que nunca trabalharam e nem a tropa foram.
JAM

INCRÍVEL A PALHAÇADA COMEÇA.

O aumento do IVA pelo PSD penaliza os consumidores diz Gomes da Silva, e dos 19% para o 23% foi o que??? KADAFY bem cá abater esta cambada um favor a este pequeno ma grande País com uma serie de ladrões a solta.

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

ANÍBAL

ANÍBAL
Romance Histórico de Ross Leckie
Aníbal filho de Amílcar, alimentados pela sede de derrubar Roma e o seu Império.
Acabado de ler este interessante romance onde descreve toda uma vida de um grande general ANÍBAL, estratega, inventor, corajoso, criativo, Homem criado, treinado e orientado para a Guerra.
Viveu uma vida para, e por um sonho o juramento no leito de morte de seu pai Amílcar, quê seria conquistar Roma derrubar Roma.
Fez toda uma vida nómada, obcecado em melhorias de armas e estratégias de guerra, conquistando territórios e absorvendo guerreiros, lutou contra climas e terrenos, montanhas e
rios, cego por um único objectivo Roma.
Era doente pelo treino, de excelentes condições físicas e capacidade e movimentação dos seus exércitos, rodeava-se de bons conselheiros e fiéis servidores úteis.
Para ele todos os que o rodeavam tinham uma utilidade real no seu emprenho na guerra e conquistas onde o culminar era sempre ROMA,
As diplomacias não o estimulavam, nem sabia muito bem lidar com elas, deixando esses cargos para os seus amigos fiéis de eram rapidamente mortos, para não prejudicarem a essência da politica praticada, sempre em beneficio de alguns encapuçados pelo beneficio de toda a Cartago.
Foi derrotado pela idade, pelo peso dos anos, pelas cicatrizes das guerras, pelo peso das vitórias tidas onde a diplomacia incomodada e movida pela cobardia e sede de dinheiro, se divorciou dele.
Aníbal cego pela sede do juramento onde personalizou o desejo de seu pai não soube perceber de que se travavam duas batalhas, onde a silenciosa a diplomacia é sempre a pior e mais profunda mata mais sem piedade sem escrúpulos, no silêncio e através do sorriso e repasto.
Sim porque o confronto nobre e viril de um corpo a corpo, onde mesmo derrotado sabe-se a causa e o motivo, saramos as consequências e aprendemos com os erros. É visível e real, concreto. No cinismo, a guerra perde-se sem causa e sem conhecimento.
Como eu entendo este General, e como percorri todas estas linhas tentando descobrir o porque, desta ilusão já que neste tempo este mundo era movido pelo mesmo cinismo de hoje onde se vive o mesmo plano teatral mas com cenários diferentes.
Aníbal deixou um nome temível no Império onde se achavam imbatíveis e invencíveis onde pela primeira vez Roma percebeu que podia ser morta mesmo no seu coração físico e muitas vezes no seu orgulho, solva ás custas dos seus generais que tal como Aníbal, sorveram deste todo o seu valor e sabedoria. Foi o demasiado tempo que deixou isso acontecer e derrotou Aníbal.
Morreu nas, e com a suas mão, sozinho, reconhecido, mas não compreendido, com bens secretamente guardados pelo seu pai muitas décadas atrás, e não derivado do seu sucesso como general e conquistador. Levou tempo a entender os tempos, e fico nas dúvidas, se chegou a entender, de que o seu tempo a sua vida, o seu propósito, de acordar todas as manhas, teve alguma razão de ser.
Foi uma leitura leve e rápida, embora tenho demorado no meu tempo, foi empolgante, curiosa, e uma permanente e constante vontade no desenrolar da leitura estar no terreno avaliando onde está a verdadeira realidade do general. Sorvi uma serie de curiosidades e a noção de tempo, dentro do tempo, ao que com a distancia aos dos tempos de hoje, se perde com um simples passar de folha, ou clik de um computador.
Gostei, aconselho a quem goste do género.
JAM 21/02/2011

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

BPN a Historia por trás da Historia.

Caríssimos, porque não entendem a verdadeira questão BPN?? Esta óbvia e claro a jogada disto tudo. Vejamos:
Quando o Cadilhe solicitou um empréstimo governamental de 600 milhões para reactivar o banco, um assumindo a sua responsabilidade, o governo recusou e porque?
Chega a crise financeira e com um risco de contagio nacionaliza-se, e porque?
A injecção de capital foi sendo um mal necessário porque?
Ok comecem a pensar! Assim que o governo Sócrates e a sua pandilha de usurpadores e jogadores de influências receberam o pedido de Cadilhe de ajuda pois que já sabiam (assim como a mim me contou quase um ano antes de rebentar a bomba BPN) foi uma surpresa esse pedido na verdade com crescente rumor de problemas no BPN já andava a mover uma serie de urubus para se prepararem para o ataque e adquirirem o poço de prejuízo.
Mas, ninguém achava que fosse chamado o Cadilhe para resolver a questão e como é sabido este Cadilhe pode ter muitos defeitos mas tem provado que em matéria de banca e finança ate faz o seu trabalho muito bem feito, senão o BPI jamais teria ido comprar o extinto BFE.
Neste golpe de fase, aparece o azar a crise financeira que arrastou muitos e eu fui um deles, prendeu outros em vários Países, mas no Portugal com 900 anos de Historia? Não encontraram nenhum malandro porque será! Ate o chefe do Banco de Portugal (BP), que deveria tomar conta das gestões dos banco acabou por ser favorecido e o mandaram pras Europe, porque?? Onde já vi esta historia? Bem era mais uma dentro de outra.
Se alguém tem dúvidas da supervisão do BP eu não senão vejamos! Rapidamente,…. eu criei uma empresa se consultoria financeira, como empresa só tinha possibilidade de protocolar com a banca somente créditos habitação e afins destes, ao invés uma consultoria precisa de propor e disponibilizar quase ou mesmo todos os serviços de um banco como alternativa eu singularmente propunha-me como promotor desse banco e aí já podia trabalhar todos os produtos desse banco que me exigia a condição de exclusividade, ora como a banca é concorrente entre si, as condições de oferta variam de banco para banco o que precisava de ter protocolos com todos os bancos para poder fazer propostas vantajosas ao meus clientes consoante o produto e o que o mercado tinha, para assim prestar o melhor serviço ao meu cliente.
Concluindo, tinha protocolos de empresa com todos os bancos abertos! Mas em termos individuais também, e com a respectiva cláusula de exclusividade e como eu centenas deles assim o faziam era a única hipótese de se poder prestar bom serviço, e o BP fez alguma coisa? E não sabia? Regulamentou as consultorias financeiras?
NÃO! Porquê? Porque não interessava a banca, dois erros fecharam os olhos a legalidade e pactuou com o poder bancário! Quem perdeu o publico deixou de poder saber livremente quem prestava melhores condições, assim hoje é feito uma espécie de chantagem no banco, sendo exactamente assim se fizeres isto e mais isto, baixamos o spreed, etc etc etc.
E acham que o BP fez bom trabalho? Era competente? Estava atento, e era imparcial, e não pactuava com os amigos bancários? ORA TENHAM DÓ e ABRAM OS OLHOS! Resultado? Promoção á vice-presidência do BANCO EUROPEU.
Voltando ao BPN, quem já andava de olho, e andava á espera de uma oportunidade para atacar jogou com as suas influências, ate porque o governo como se sabe tinha um controlador/ informador na banca inserido dentro do Millenium, onde a função dele era principalmente esta, gerir contactos e como é óbvio estava com esta informação privilegiada.
A nacionalização faz-se a correr, em 3 dias, alteram-se leis, com a desculpa do contágio. (vimos que a falência dos bancos nos USA arrasaram a restante banca! Verdade? NÃO), a verdadeira jogada era depois de nacionalizar os amigos comprarem e a bom preço depois da tal injecção dos 600 milhões propostos pelo Cadilhe ser suportado pelo Zé Povinho, e mais tarde os amiguinhos comprarem e passarem a ser BANQUEIROS.
E óbvio e claro andamos a tapar o sol com a peneira, porque? O que eles não se esperavam era que existia um empresa que era a verdadeira dona de podo o activo do banco, e não se podia ir buscar nada o que revelou que o buraquinho de 600 milhões, nos números que já conhecemos.
Os ditos amigos valentes influentes que se queriam apoderar á maneira do bom portuga, acabaram por recuar, os clientes com património e valor claro saíram, o que resta já não vale nada nem serve para nada e agora? O Zé-povinho paga e não bufa.
Claro que tem de ser injectado mais capital, claro que se vai manter esta situação, claro que será sempre o mesmo a pagar, claro que o Sócrates diz que não tem culpa, claro que o cavaco tem de ser sempre colado a isto, claro que esta treta vai continuar, ate um dia este pais começar a ter atitudes de HONRA, os partidos aceitarem estratégias conjuntas e num todo, nós somos marroquinos com vestes da Europa.
Quem anda e já andou por dentro ou perto percebe nitidamente esta jogada de esquema em retirar um banco ao sector A e passa-lo ao sector B, era para correr bem e sem levantar muita poeira, justificado pelas questões sabidas, mas esqueceram da esperteza dos outros, aqueel núcleo instalado no governo e perto dele, subiram muito depressa, e safam-se com as artimanhas de jogas rápidas que têm dado resultado nuns casos e quando não da cala-se as vozes, criam-se mentiras, abafam-se verdades, etc etc etc.
Onde vamos parar? Quando aparece um HOMEM a SERIO? Um 1º com Honra, e partidos com sentido de estado?
JAM 20-01-2011


A LER

Este capitalismo não tem remissão
Miguel Sousa Tavares1
Expresso de Sábado, Janeiro 01, 2011

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

O TEMPO tem TEMPOS

O tempo tem tempos e os tempos, tempos, quando nesses tempos tu perdes-te então esses tempos não são os tempos, mas sim o tempo que tem tempo mas não sabe desse tempo. E? perde-se no tempo desse tempo.
JAM 17-01-2011

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Campanha publicitária Pingo Doce.

Quando o desgraçado do rapazito gordinho e com um “teclado” ideal para fazer um anúncio a um dentífrico, choveram criticas de ridículo, piroso, má publicidade, etc. etc. etc.
Agora o Pingo Doce, colocou um actor de renome nacional e já com provas dadas no Brasil.
E escutem com atenção, que perceberam de que a entoação, texto, e orientação esta igual á anterior, mas não se ouve criticas de ninguém.
Constata-se neste País de M….. que o problema era o desgraçado do gordinho, porque mudaram a cara e o que era mau passou a ser BOM.
Um conselho! Vão aprender algo de jeito em vez de falarem do que não sabem ok???

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Repassando o Grande Joaquim Letria (a ler)

Contra-mão
Por Joaquim Letria


SÓCRATES parece daqueles velhinhos que se metem pelas auto estradas em contra-mão, com o Teixeira dos Santos no lugar do morto, a gritarem que os outros é que vêm ao contrário.
De rabo entre as pernas, fartinhos de saberem que estavam errados, não conseguem agora disfarçar o mal que nos fizeram.
Ainda estão a despedir-se, agradecidos, do Constâncio, e já dão a mão a Passos Coelho, que lhes jura que conhece uma saída perto e sem portagem.
Estamos bem entregues!
Vão-nos servindo a sopa do Sidónio, à custa dos milhões que ainda recebem da Europa, andam pelo mundo fora sem vergonha, de mão estendida, a mendigar e a rapar tachos, tratados pelos credores como caloteiros perigosos e mentirosos de má-fé.
Quando Guterres chegou ao Governo, a dívida pouco passava dos 10% do PIB.
15 anos de Guterres, Barroso, Sócrates e de muitos negócios duvidosos puseram-nos a dever 120% do PIB.
Esta tropa fandanga deu com os burrinhos na água, não serve para nada e o estado do próprio regime se encarrega de o demonstrar.
Falharam todas as apostas essenciais.
Todos os dias se mostram incapazes.
Mas com o Guterres nos refugiados, o Sampaio nos tuberculosos e na Fundação Figo, o Constâncio no Banco Central e o Barroso em Bruxelas, a gente foge para onde?

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

COMO o GOVERNO DUPLICA os CUSTOS!

Uma vergona, são umas atras das outras, por isso estamos como estamos começaram nos discursos vai acabar nas despesas a duplicar e a triplicar pelos amigos onde todos mamam e duplicado uma questão de ficheiros.


http://www.youtube.com/watch?v=5FtNMK6o1aw

Quem copiou? O ridículo a que se chegou!!!!... e, afinal, parece queapenas leram, pela 1ª e única vez, um texto feito por terceiros e quedesconheciam em absoluto. Resulta, porque já ninguém lhes liga nenhuma....

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

PARA OS QUE OS COLOCARAM LÁ!! sintam-se orgulhosos com eles.....

JA NÃO CHEGAVA OS AÇORES,POR ISSO O SOCRATES NAO COMENTOU MUITO...... ORA VEJAM A RAZAO!

Absoluta falta de vergonha
Os políticos iam diminuir os vencimentos em 15% não iam?
Pois iam, tinham essa intenção....
Mas agora, no Orçamento, aumentaram-se em 20% nas despesas de
representação e assim compensam aquele sacrifício.
Um truque que é um escândalo, pois tem a condescendência do maior
partido da oposição!!!
Isto é de bradar aos céus.
É tão baixo e tão despudorado que não há palavras para qualificar esta
situação torpe e asquerosa que só envergonha e diminui aqueles que a
tornaram possível!
Este país não vai longe...com políticos deste calibre!
Haja vergonha, senso e respeito pelas pessoas!

Repassem, para que todos vejam bem a estirpe de gente que nos anda a
(des) governar…


O "JE" JA O DISSE E RELEMBRA VOU VOTAR NUM PARTIDO SEM ACENTO PARLAMENTAR OU SEJA DOS QUE ESTÃO REPRESENTADOS NO PARLAMENTO.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

JÁ TEMOS UMA PORTUGUESA COM ..............(ELES) NO SITIO!

POR CLARA FERREIRA ALVES)
Não admira que num país assim emerjam cavalgaduras, que chegam ao topo, dizendo ter formação, que nunca adquiriram, (Olá! camaradas Sócrates...Olá! Armando Vara...), que usem dinheiros públicos (fortunas escandalosas) para se promoverem pessoalmente face a um público acrítico, burro e embrutecido.
Este é um país em que a Câmara Municipal de Lisboa, em governação socialista, distribui casas de RENDA ECONÓMICA - mas não de construção económica - aos seus altos funcionários e jornalistas, em que estes últimos, em atitude de gratidão, passaram a esconder as verdadeiras notícias e passaram a "prostituir-se" na sua dignidade profissional, a troco de participar nos roubos de dinheiros públicos, destinados a gente carenciada, mas mais honesta que estes bandalhos.
Em dado momento a actividade do jornalismo constituiu-se como O VERDADEIRO PODER. Só pela sua acção se sabia a verdade sobre os podres forjados pelos políticos e pelo poder judicial. Agora continua a ser o VERDADEIRO PODER mas senta-se à mesa dos corruptos e com eles partilha os despojos, rapando os ossos ao esqueleto deste povo burro e embrutecido.
Para garantir que vai continuar burro o grande "cavallia" (que em português significa cavalgadura) desferiu o golpe de morte ao ensino público e coroou a acção com a criação das Novas Oportunidades.
Gente assim mal formada vai aceitar tudo, e o país será o pátio de recreio dos mafiosos.
A justiça portuguesa não é apenas cega. É surda, muda, coxa e marreca.
Portugal tem um défice de responsabilidade civil, criminal e moral muito maior do que o seu défice financeiro, e nenhum português se preocupa com isso, apesar de pagar os custos da morosidade, do secretismo, do encobrimento, do compadrio e da corrupção.
Os portugueses, na sua infinita e pacata desordem existencial, acham tudo "normal" e encolhem os ombros.
Por uma vez gostava que em Portugal alguma coisa tivesse um fim, ponto final, assunto arrumado.
Não se fala mais nisso. Vivemos no país mais inconclusivo do mundo, em permanente agitação sobre tudo e sem concluir nada.
Desde os Templários e as obras de Santa Engrácia, que se sabe que, nada acaba em Portugal, nada é levado às últimas consequências, nada é definitivo e tudo é improvisado, temporário, desenrascado.
Da morte de Francisco Sá Carneiro e do eterno mistério que a rodeia, foi crime, não foi crime, ao desaparecimento de Madeleine McCann ou ao caso Casa Pia, sabemos de antemão que nunca saberemos o fim destas histórias, nem o que verdadeiramente se passou, nem quem são os criminosos ou quantos crimes houve.
Tudo a que temos direito são informações caídas a conta-gotas, pedaços de enigma, peças do quebra-cabeças. E habituamo-nos a prescindir de apurar a verdade porque intimamente achamos que não saber o final da história é uma coisa normal em Portugal, e que este é um país onde as coisas importantes são "abafadas", como se vivêssemos ainda em ditadura.
E os novos códigos Penal e de Processo Penal em nada vão mudar este estado de coisas. Apesar dos jornais e das televisões, dos blogs, dos computadores e da Internet, apesar de termos acesso em tempo real ao maior número de notícias de sempre, continuamos sem saber nada, e esperando nunca vir a saber com toda a naturalidade.
Do caso Portucale à Operação Furacão, da compra dos submarinos às escutas ao primeiro-ministro, do caso da Universidade Independente ao caso da Universidade Moderna, do Futebol Clube do Porto ao Sport Lisboa Benfica, da corrupção dos árbitros à corrupção dos autarcas, de Fátima Felgueiras a Isaltino Morais, da Braga Parques ao grande empresário Bibi, das queixas tardias de Catalina Pestana às de João Cravinho, há por aí alguém que acredite que algum destes secretos arquivos e seus possíveis e alegados, muitos alegados crimes, acabem por ser investigados, julgados e devidamente punidos?
Vale e Azevedo pagou por todos?
Quem se lembra dos doentes infectados por acidente e negligência do Ministério da Saúde Leonor Beleza com o vírus da sida?
Quem se lembra do miúdo electrocutado no semáforo e do outro afogado num parque aquático?
Quem se lembra das crianças assassinadas na Madeira e do mistério dos crimes imputados ao padre Frederico?
Quem se lembra que um dos raros condenados em Portugal, o mesmo padre Frederico, acabou a passear no Calçadão de Copacabana?
Quem se lembra do autarca alentejano queimado no seu carro e cuja cabeça foi roubada do Instituto de Medicina Legal?
Em todos estes casos, e muitos outros, menos falados e tão sombrios e enrodilhados como estes, a verdade a que tivemos direito foi nenhuma.
No caso McCann, cujos desenvolvimentos vão do escabroso ao incrível, alguém acredita que se venha a descobrir o corpo da criança ou a condenar alguém?
As últimas notícias dizem que Gerry McCann não seria pai biológico da criança, contribuindo para a confusão desta investigação em que a Polícia espalha rumores e indícios que não têm substância.
E a miúda desaparecida em Figueira? O que lhe aconteceu? E todas as crianças desaparecida antes delas, quem as procurou?
E o processo do Parque, onde tantos clientes buscavam prostitutos, alguns menores, onde tanta gente "importante" estava envolvida, o que aconteceu? Alguns até arranjaram cargos em organismos da UE.
Arranjou-se um bode expiatório, foi o que aconteceu.
E as famosas fotografias de Teresa Costa Macedo? Aquelas em que ela reconheceu imensa gente "importante", jogadores de futebol, milionários, políticos, onde estão? Foram destruídas? Quem as destruiu e porquê?
E os crimes de evasão fiscal de Artur Albarran mais os negócios escuros do grupo Carlyle do senhor Carlucci em Portugal, onde é que isso pára?
O mesmo grupo Carlyle onde labora o ex-ministro Martins da Cruz, apeado por causa de um pequeno crime sem importância, o da cunha para a sua filha.
E aquele médico do Hospital de Santa Maria, suspeito de ter assassinado doentes por negligência? Exerce medicina?
E os que sobram e todos os dias vão praticando os seus crimes de colarinho branco sabendo que a justiça portuguesa não é apenas cega, é surda, muda, coxa e marreca.
Passado o prazo da intriga e do sensacionalismo, todos estes casos são arquivados nas gavetas das nossas consciências e condenados ao esquecimento.
Ninguém quer saber a verdade.
Ou, pelo menos, tentar saber a verdade.
Nunca saberemos a verdade sobre o caso Casa Pia, nem saberemos quem eram as redes e os "senhores importantes" que abusaram, abusam e abusarão de crianças em Portugal, sejam rapazes ou raparigas, visto que os abusos sobre meninas ficaram sempre na sombra.
Existe em Portugal uma camada subterrânea de segredos e injustiças, de protecções e lavagens, de corporações e famílias, de eminências e reputações, de dinheiros e negociações que impede a escavação da verdade.
Este é o maior fracasso da democracia portuguesa